Rua Vereador Luiz Pícolli, 299 - Centro - CEP:85415-000
Acessibilidade

DIREITOS HUMANOS

Exploração do trabalho infantil é tema de mesa redonda

Sexta-feira, 10 de junho de 2016

Última Modificação: 17/06/2016 13:21:58 | Visualizada 862 vezes

Comemorado em 12 de junho Dia Mundial Contra o Trabalho Infantil relembra a triste realidade de crianças e adolescentes brasileiros


Ouvir matéria

Mais de 3,3 milhões de crianças e adolescentes entre cinco e 17 anos deixam de estudar ou realizar atividades de lazer para trabalhar no Brasil. Destes mais de meio milhão tem menos de 13 anos, segundo a Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios. O número assusta, mas revela a triste realidade de muitas crianças e jovens.

 

Em Cafelândia o assunto foi tema de uma Mesa Redonda na manhã desta sexta-feira (10), reunindo lideranças, autoridades e representantes da comunidade em geral com o objetivo de discutir o assunto e ainda ressaltar a importância da denúncia de casos.

 

Segundo a Juíza da Comarca de Nova Aurora, Maria Ângela, é preciso distinguir exploração do trabalho infantil de casos como simplesmente ajudar nas tarefas da casa. “O fato de a criança ajudar a mãe em casa não seria, por exemplo, trabalho infantil, mas o fato de que ela começa a perder o tempo de brincar e ter uma formação saldável, ai passa a ser trabalho infantil. A comunidade é o ponto principal, e é quem deve levar essa ocorrência até as autoridades para que tomem providências”.

 

O prefeito Valdir Andrade da Silva (Bugrão) ressaltou os serviços realizados no município em prol de crianças e adolescentes, entre eles a Fundação Padre Luís Luise, o Conselho Tutelar e os demais serviços desenvolvidos pela Secretaria de Assistência Social. “Este debate que está sendo realizado aqui hoje nos orgulha muito e por isso parabenizamos a secretaria de Assistência Social, e os demais envolvidos e agradecemos a nossa Juíza que veio contribuir com o mesmo demonstrando que dentro do nosso dialogo estamos todos no caminho certo para melhorar aquilo que a legislação exige de cada cidadão. Nós temos em Cafelândia uma educação de qualidade, ficando em 193º no país, isso é graças a todos os nossos professores e diretores mais em especial aos pais que tem a sua responsabilidade”. 

Fonte: ASSESSORIA DE COMUNICAÇÃO E MARKETING - PREFEITURA DE CAFELÂNDIA

 Veja Também